Blog do Sarico

A eleição das explicações


A eleição para presidente do ano que vem será bem interessante, porque será a eleição das explicações, pelo menos, por parte dos dois principais expoentes da atual política nacional: Bolsonaro e Lula.

Lula terá de explicar sobre os escândalos em que ele e seu partido se envolveram, e que resultou até em prisão e devolução de dinheiro.

Já Bolsonaro terá de dar explicações sobre questões relacionadas à gestão da pandemia, bem como acerca de assuntos econômicos e das promessas eleitorais não cumpridas.

A Terceira Via, por sua vez, vai de sangue doce, mas também tem o “rabo preso”.

Não será um caminho fácil para a dupla BolsoLula nas ruas, nas visitas, nos palanques e nos debates (se comparecerem).

Bolsonaro, ao que tudo indica, estando mal nas pesquisas, dá sinais de que pretende estourar o teto dos gastos no Auxílio Brasil, o antigo Bolsa Família, com o pretexto de combater a fome. Vai haver benefícios, sim, mas também dará problema à economia no próximo ano.

E Lula, por sua vez, se mostra perverso ao apoiar o estouro deste teto por parte do governo porque sabe que a economia entrará em colapso em 2022.

Só que os dois não sabem que, se houver estouro do teto, quem pagará a pesada conta, mais uma vez, será o povo, principalmente os pobres, coisa costumeira.

Os especialistas em economia, todos eles, não dizem que o País vai bem e as projeções para 2022 não são nada animadoras.

Enfim, vamos ver o que vem por aí. Mas, por via das dúvidas, mantenha a fivela do cinto apertado, porque haverá muita turbulência no ar.



Comentários

Comente


*