Blog do Sarico

Homens de verdade


A Polícia Civil de Nova Erechim, no Oeste de SC, atendeu na última quarta-feira (14), uma ocorrência envolvendo menor em situação de risco em um bairro daquela cidade.

Segundo a mãe da menina, de apenas 13 anos, a adolescente estava convivendo maritalmente com seu pai biológico, um homem de 35 anos, inclusive, estando grávida dele.

E nesta quinta-feira (15), em Canoas (RS), a Polícia Civil prendeu um avô, de 59 anos, que estuprava a neta de 12 anos e, além de querer fugir com ela, queria fazê-la de esposa.

Segundo a polícia, a vítima morava com os avós paternos. Os estupros ocorriam quando a avó da menina se ausentava para o trabalho. Conforme relato da vítima, o avô eliminava qualquer vestígio dos atos sexuais. O acusado expulsou a mulher dele, avó da menina, do quarto do casal e dizia para a vítima que compraria uma casa nova para ter uma vida de casal pois era apaixonado por ela.

No dia em que a vítima contou aos familiares sobre os abusos, segundo depoimento de testemunhas, foram encontrados preservativos, lubrificantes e lenços umedecidos na residência. O material era usado pelo acusado. Houve intensa discussão familiar e ele fugiu do local.

Que tal isso?

Mas, afinal, o que está acontecendo com a humanidade? Para onde nós estamos caminhando? O final dessa caminhada será com muita dor e ranger de dentes, podem ter certeza disso. A conta uma dia virá.

IPTU 2021


Em Tapera (RS), apesar da pandemia que está sufocando a todos, a Prefeitura emitiu os carnês do IPTU sem prorrogação. E, por tabela, dará 15% de desconto para pagamento único em 15 de abril. Logo ali.

Já outros municípios da região prorrogaram o prazo para pagamento e ainda deram um parcelamento considerável.

Em Quinze de Novembro, por exemplo, o prazo para pagamento do tributo foi prorrogado e ainda oferecem parcelamento em até 12 vezes, no cartão. A primeira parcela vence lá em agosto (15).

Trabalhar ao lado do povo e das empresas e ajudá-los. Isso sim é notícia boa.

Troco


Alguém ainda tem dúvida que essa decisão do STF de liberar Lula para concorrer no ano que vem foi em represália as constantes manifestações de Bolsonaro contra aquela corte e seus integrantes?

As colocações do presidente vêm inquietando tanto o legislativo como o judiciário, e com a aproximação da eleição presidencial as ações contra ele serão orquestradas pelos dois poderes. E os “tiros” virão de todos os lados.

Outra coisa. As ações e manifestações de Bolsonaro nestes quase 3 anos de governo resgataram a esquerda que estava praticamente sepultada após a derrota de 2018. Inclusive Lula, que voltou por que deixaram ele voltar. O barulho acordou a esquerda e também o ex-presidente.

Na política, como em tudo na vida, existe aquela máxima do que vai volta: o chamado efeito bumerangue.

Bolsonaro, apesar do desgaste, ainda tem seu prestigio. Mas, e Lula, ainda tem o mesmo que tinha antes de ser preso?

E os integrantes da terceira via terão força para combater a dupla que comandou e comanda o Planalto?

Desta vez não foi o mordomo


A morte do menino Henry Borel, de 4 anos, supostamente pela mãe e seu companheiro, está sendo o assunto do momento na mídia nacional. A polícia tem certeza que os dois são os responsáveis pela morte da criança, que foi espancada no quarto do casal, no Rio.

A mulher está sendo acusada de que sabia das agressões do companheiro a seu filho, assim como a babá e uma outra mulher que trabalhava no apartamento. E tudo acontecia no quarto do casal, de portas fechadas e com o volume da televisão nas alturas para abafar os gritos de dor de Henry.

A polícia sabe que a mãe tinha conhecimento das violências que eram praticadas contra o menino e não fez nada, preferido o homem e o luxo que ele lhe proporcionava, a proteger o seu pequeno e indefeso filhote.

Na DP, no dia do primeiro depoimento, a “preciosa” tirou uma selfie e negou veementemente as agressões ao filho.

Já o ilustre edil carioca é um agressor conhecido de filhos de suas companheiras e isso é do conhecimento das autoridades policiais. Ele é violento e todas as testemunhas disseram isso em seu depoimento.

Eu fico pensando se o Henry tivesse sobrevivido a essas agressões covardes o que teria sido dele quando adulto. Com todas essas circunstâncias a que ele era submetido teriam comprometido o seu desenvolvimento? Qual seria sua relação com sua mãe? Com o padrasto, caso ele ainda tivesse com sua mãe? E que tipo de pessoa Henry seria? Essas respostas nós nunca saberemos.

E na prisão. Como o casal “exemplo de relacionamento” se sairá com os demais apenados? Isso, provavelmente, nós vamos saber.

A mãe trocou de advogado, pegando um mais combativo, com atuação junto a figuras polêmicas de Brasília. O cara terá muito trabalho pela frente. E não me surpreenderia se ele acusar a babá de estar envolvida no crime. Seria o mordomo o culpado, mas eles não tinham um no luxuoso Ap.

Tem diferença, sim


Estava me lembrando da festa aquela de Espumoso (RS), que a polícia encerrou na semana passada, e que reuniu mais de 250 pessoas, incluindo menores de idade, conforme foi possível observar em vídeo que viralizou nas redes sociais.

Destaco que quem programou o evento, assim como todos os que dele participaram, devem ser responsabilizados pelo crime de infração de medida sanitária, tendo em vista a desobediência ao decreto que proíbe a realização de aglomerações. Com relação aos menores de idade, a responsabilidade recai sobre os seus pais, que devem responder pelos atos de seus filhos.

Mas, será que essa transgressão, de fato, resultará em alguma punição? Eu acredito que não, pois no Brasil fica evidente, a cada dia, que o sistema penal tem alvos específicos, com classe social, raça e gênero, bem delineados.

Festas classes A e B, com todo o “cardápio”, são diferentes das demais. Assim como o seu desfecho. O mundo separa as pessoas pelo que elas são e tem.

Ele – o mundo – parece ser bonito, mas sabemos também que ele não é justo nem igualitário, e nem nunca o será.

Frase do Dia


– “O que é mais importante?”, perguntou o grande panda: “a jornada ou o destino?”.
– “A companhia”, disse o pequeno dragão.

Desconheço a autoria.

Mãe modelo


O vereador carioca, aquele que é acusado de matar seu enteado, o menino Henry Borel, de 04 anos, no Rio, foi preso nesta semana pela Polícia Civil. A maravilhosa mãe do garoto também foi detida.

O menino foi entregue a ela pelo pai num domingo à tardinha em boas condições de saúde, e na madrugada Henry deu entrada no hospital literalmente arrebentado. Mãe e companheiro disseram à polícia que houve um acidente doméstico e que o menino chegou com vida no hospital, fato que foi desmentido pelos médicos. O laudo pericial mostrou ação violenta extrema contra ele.

Mas, o que fizeram com o Henry? Com todo aquele estrago ele deve ter sido espancado de forma brutal, torturado. E a polícia disse que a mãe sabia da violência do companheiro contra seu filho, mas não tomou nenhuma providência. Ela preferiu seu homem a seu filho. Mas, também, com ele passou a trabalhar no Tribunal de Contas do município com salário de R$ 12 mil, três vezes mais do que ganhava como diretora de escola. Também preferiu o salário ao filho.

A polícia levantou também que o vereador teria espancado filhos de outras companheiras sua e que ele é extremamente violento.

Olha, para mim, trata-se de dois lixos. Agora, a mãe deixar acontecer tal violência contra seu filho fato que acontecia seguidamente segundo mensagens trocadas com a babá de Henry. E, segundo o pai, o menino chorava quando tinha de voltar para junto da mãe.

Não sei o que será dessa mulher daqui para frente ela que perdeu seu bem mais precioso, mas duvido que seus familiares e amigos terão a mesma relação com ela. Sua vida já virou um inferno. E sua consciência a atormentará seu sono até o final de seus dias, que poderão não ser muito longos num caso desses.

Continuo dizendo que gente assim faz peso no mundo, ocupa espaço e ainda consome oxigênio e alimento.

Agora, a duplinha certamente receberá tratamento VIP na prisão. Acompanhem pela imprensa.

Visão de gestor


de Quinze de Novembro (RS) teve o projeto de lei 2429/21 aprovado pela Câmara de Vereadores na segunda-feira (05). O PL cria no município um programa de incentivo ao comércio local, o PIC, para auxiliar empresas afetadas pelas medidas restritivas impostas pela pandemia de Covid 19.

Poderão se habilitar ao ele bares, restaurantes, lanchonetes, sorveteiras, campings, hotéis, empresas do ramo de eventos e decoração e salões de beleza.

O Programa consiste em encontrar soluções de microcrédito para estas empresas junto a bancos e cooperativas de crédito.

O valor a ser disponibilizado pode ser modesto, mas mostra a preocupação do governo municipal com seu município, suas empresas e sua gente.

Parabéns ao prefeito Guto Stolte pela visão num momento tão delicado como este que estamos passando, principalmente as pequenas empresas que garantem boa parte dos empregos no município.

E tem município ai que deveria copiar uma boa ideia ou criar uma melhor para então sim poder ir à imprensa e de verdade dar uma boa notícia à sua comunidade.

Planalto 2022


Pesquisa da XP para a eleição presidencial do ano que vem aponta Lula com 29%, Jair Bolsonaro 28% e o terceiro bloco com 29%.

O terceiro bloco tem Sergio Moro, Ciro Gomes, Luciano Huck, Luiz Henrique Mandetta e João Doria.

Ninguém sabe se os votos do terceiro bloco podem ser transferidos de um candidato para outro. Ninguém sabe também se o eventual candidato único dele pode atrair outros eleitores, como os 12% de indecisos, por exemplo.

O fato é que 2022 ainda está indefinido.